Ombros e Costas – Dicas De Exercícios Para Elevar Seus Resultados

Você já conhece as vantagens que os exercícios para ombros e costas podem lhe fornecer?

A região do ombro é de extrema importante para o corpo. Pois, ela determina boa parte dos movimentos dos braços. Graças ao manguito rotador, um conjunto formado por quatro músculos.

Enquanto que, as costas possuem o agrupamento mais complexo do corpo que influencia em dezenas de movimentos diferentes, não se limitando aos braços.

Desse modo, é importante investir em exercícios que estimulem ambas as regiões.

Então, continue lendo este artigo e descubra as melhores opções para você. Desenvolvendo, tonificando e fortalecendo o seu corpo!

Como Garantir Qualidade Nos Exercícios Para Ombros e Costas?

Ombros_e_Costas

Antes de mostrar os exercícios para ombros e costas, iremos falar sobre sua realização correta.

Portanto, primeiro é importante entender mais sobre o assunto.

Logo, será possível definir essas regiões como grupos musculares responsáveis por diferentes atividades. Para que a resistência muscular seja desenvolvida, é preciso começar aplicando cargas leves. Evitando a sobrecarga da região e possíveis lesões. Depois, de forma progressiva, os pesos usados poderão ser aumentados.

O fortalecimento de ambas as regiões é importante. Pois, eles auxiliam na postura corporal e na capacidade de carregar pesos. Bem como, auxiliam também, no equilíbrio muscular. Desde que, exista um acompanhamento profissional para verificar sua evolução.

  • Costas: entre os benefícios de seu fortalecimento, podemos incluir a diminuição de dores na região. Bem como, do tensionamento dos mesmo e melhora na postura. Além disso, fortalece regiões próximas a coluna – responsável por sustentar o corpo;
  • Ombros: assim como para a região das costas, o fortalecimento do ombro também diminui as dores. Contudo, ele também auxilia na prevenção de lesões causadas por movimentos repetitivos ou pegar muito peso. Além disso, ainda é possível melhorar a biomecânica da região.

Sendo assim, os exercícios para ombros e costas são fundamentais para fortalecer no corpo.

Garantindo que haja naturalidade em nossos movimentos.

Melhores Exercícios Para Ombros e Costas

Ombros_e_Costas

Então, agora que você já sabe mais sobre a importância de desenvolver essas regiões, confira os melhores exercícios.

  1. Chin Up:

Conhecido também como barra fixa,esse exercício pode ser praticado tanto em casa, quanto na academia.

Além disso, ele é bom para iniciantes. Pois, exige do corpo o desenvolvimento da força e resistência.

Ao mesmo tempo que é mais seguro devido a sua metodologia simples e prática.

Para isso, basta que você segure a barra com ambas as mãos. Mantendo sempre uma distância equivalente a largura dos ombros.

Em seguida, pendure-se na barra cruzando os pés enquanto aperta as escápulas para baixo e para trás.

Dobre o cotovelo de forma a ganhar impulso e se sustentar no ar posicionando o peito logo abaixo da barra.

  1. Remada Unilateral Com Carga

Então, para realizar esse exercício, o ideal é a utilização de um equipamento de peso como o haltere.

Chamado também,de remada serrote, esse é um exercício unilateral. No qual, você irá aumentar a amplitude de movimentos ao trabalhar cada lado de forma independente.

Portanto, nos dois lados de um banco reto, posicione um haltere e em seguida, apoie uma de suas pernas em cima deste.

De modo que ela fique dobrada e a outra ainda reta. Com uma das mãos apoiados no banco, desça a outra (contrária a perna dobrada) para pegar o haltere.

Mas, sempre mantendo a região lombar reta, enquanto flexiona o cotovelo para cima e posiciona o peso ao lado do peito.

  1. Remada Curvada:

Esse exercício ativa diversas musculaturas. Sendo ótimo, principalmente, para a região das costas.

No entanto, é preciso muito cuidado durante sua realização!

Uma vez que, é preciso usar cargas corretas para você e sua resistência muscular. Do contrário, ele pode causar diversas lesões, incluindo aquelas na região da lombar.

Então, para sua realização, posicione a barra à frente do seu corpo, com a quantidade ideal de carga.

Abaixe-se mantendo a lombar reta para pegar a barra. Suas mãos devem estar posicionadas alinhadas a largura do ombro.

Ao inclinar, num ângulo de 45 graus, puxe a barra para cima até que ela encoste no seu peito.

Se mantenha na posição, contraia e estique os braços algumas vezes. De modo que seus cotovelos ultrapassem a linha das costas.

Durante toda a realização, é importante ainda que os joelhos fiquem levemente dobrados.

  1. Lat Pulldown:

O Lat Pulldown é um exercício para se fazer na academia. Pois, exige um equipamento específico.

Aqui você irá trabalhar  o bíceps e o latíssimo do dorso. Tudo isso, em um exercício de nível iniciante bastante simples.

Sente-se em uma máquina de pulldown e ajuste o equipamento para sua altura.

Depois, segure a barra com sua pegada aberta. Logo, a distância deverá ser maior que a largura dos ombros e direcionando as mãos para fora.

Posicione os braços estendidos à frente, leve o tronco 30 graus para traz curvando a região lombar e estufando o peito.

Exale o ar e traga a barra para baixo que deverá encostar na região superior do corpo.

Mova então, somente os braços para cima e para baixo, enquanto mantém o corpo contraído e os músculos das costas comprimidos.

  1. Elevação Lateral:

Por fim, irei terminar com um exercício bastante simples e que ajuda bastante no fortalecimento da região.

Contudo, ele deve sempre ser feito com pequenas cargas. Respeitando assim, a mecânica desse movimento e sua alavanca.

Segure dois halteres posicionados ao lado do corpo e deixe os pés afastados alinhados ao ombro.

Posicione os pesos na altura das coxas, próximos um ao outro. Flexione levemente os seus cotovelos.

As escápulas devem ficar encaixadas para trás, enquanto que a coluna fica reta.

Depois, eleve os pesos de forma lateral, deixando os braços retos e paralelos ao chão.

Conclusão

Ombros_e_Costas

Desse modo, foi possível ver cinco incríveis exercícios para ombros e costas que irão fortalecer e desenvolver seus músculos.

Bem como, irão prevenir dores nas regiões e aumentar sua flexibilidade e resistência articular!

Contudo, lembre-se sempre da importância de manter a região lombar bem posicionada para evitar lesões.

Ainda possui alguma dúvida? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe.

Como Ter Resultados Constantes Nos Seus Treinos?

A maioria das pessoas procuram descobrir formas de como conseguir resultados constantes nos seus treinos. Uma vez que, no início, o estímulo é grande. Logo, os treinos geram resultados rápidos para quem deseja ganhar massa muscular.

No entanto, quanto mais tempo de treino, mais difícil se torna obter novos resultados constantes.

Isso porque acontece a diminuição do ritmo da hipertrofia muscular. Sendo preciso encontrar formas de evitar a estagnação de resultados.

Então, se você quer continuar evoluindo é importante procurar dicas e ideias que irão ajudar você a longo prazo.

Portanto, continue lendo e descubra como conseguir resultados exponenciais!

10 Dicas Para Manter Resultados Constantes Nos Seus Treinos

resultados_constantes

Abaixo, irei listar as 10 melhores dicas que qualquer pessoa deve seguir para se desenvolver cada vez mais!

  1. Não Tenha Pressa:

Uma das coisas principais para se ter resultados constantes nos seus treinos, é manter a constância.

Ou seja, você deve lembrar que isso é um processo exponencial. Logo, não adianta querer resultados rápidos e não trabalhar para obtê-los.

Mas, isso não deve ser feito com pressa e tentar forçar seu desenvolvimento.

Do contrário, é possível que você tenha pequenas lesões que irão acabar atrapalhando os resultados, exigindo tempo de recuperação.

Portanto, você deve aprender, treinar e otimizar de forma correta com ajuda profissional.

Desse modo, saiba exatamente quando é a hora de aumentar uma carga. Ou até mesmo, de investir em tipos novos de exercícios.

  1. Resultados Constantes Nos Seus Treinos Com Movimentos de Base:

Além disso, uma boa forma de elevar seu desenvolvimento, é iniciar os treinos com movimentos de base.

Isso porque você irá fortalecer os músculos de base para que depois, possa focar em exercícios mais complexos.

Ou seja, você irá primeiro fortalecer o core e glúteos, importantes para qualquer treinamento.

Se esses não se tornam eficientes é difícil conseguir evolução. Com isso, torna-se difícil aumentar a carga e intensidade de forma segura.

  1. Defina Objetivos Claros:

Então, se você deseja resultados é porque está querendo alcançar um objetivo, certo?

Desse modo, é importante ter clareza em seus objetivos. Pois, só assim você conseguir definir as melhores práticas para você.

Assim sendo, isso irá impedir que você perca tempo com exercícios que não auxiliam no que você deseja.

  1. Respeite A Recuperação Muscular:

Para que os resultados sejam constantes, é preciso entender que o corpo precisa passa por uma regeneração muscular.

Logo, você precisa determinar o tempo ideal para essa recuperação. Que deverá ser feito entre os treinos.

Afinal de contas, isso irá garantir a sua segurança e evitar a sobrecarga do corpo, evitando lesões e outros problemas.

Logo, você deve considerar os exercícios feitos. Se possível, intercalar eles pelos dias, trocando os músculos estimulados.

  1. Aprenda, Depois Estimule:

Anteriormente, falamos sobre a importância de aprender um movimento para se ter resultados constantes nos seus treinos.

Pois, isso faz com que você o domine e tenha maior segurança. Executando de forma precisa para que depois acrescente cargas.

Ou seja, primeiro você precisa aprender a técnica, para depois aplicar uma complexidade a ela.

Essa atitude é bastante preventiva em relação as lesões. O que por sua vez, aumenta a velocidade dos resultados.

  1. Estabeleça Uma Frequência:

Deve-se lembrar também que o corpo é adaptável e isso impacta nossos resultados de forma positiva ou negativa.

Sendo assim, treinar constantemente eleva os resultados. Enquanto que, a falta disso atrapalha o seu ganho.

Portanto, para estimular seu corpo a ter resultados constantes, a prática física deverá ser também levada em consideração.

Então, procure fazer uma programação semanal de acordo com seus horários. Tornando assim, as atividades escolhidas uma rotina estimulante.

  1. Cuide Da Alimentação:

Além disso, um dos erros que impede você de ter resultados constantes nos seus treinos, é a má alimentação.

Muitas pessoas acabam fazendo dietas sem identificar suas necessidades, diminuindo o consumo de determinados alimentos.

Enquanto que, elevam outros sem saber se isso é bom ou ruim para seu organismo.

Uma vez que, cada pessoa possui um organismo diferente, é importante procurar um profissional que irá alinhar sua alimentação com a seus objetivos e práticas físicas.

  1. Flexibilidade Para Conseguir Resultados Constantes Nos Seus Treinos:

Já percebeu que a falta de flexibilidade pode prejudicar você ao tentar novos movimentos?

Isso porque lhe falta mobilidade nas articulações. Ou seja, é importante trabalhar mais do que apenas a coordenação motora e o fortalecimento físico.

Do contrário, você não vai conseguir realizar movimentos novos, aqueles importantes para estimular resultados musculares.

Bem como, ainda corre o risco de executá-los de maneira errada. Acarretando então, nas lesões musculares.

  1. Aprenda A Escutar E Respeitar Seu Corpo:

Podemos dizer que esse é um dos maiores erros de quem tenta e não consegue ter resultados constantes.

Existem dois tipos de pessoas:

A primeira é aquela que acha que está cansado demais e deixa de treinar.

Já a segunda, é aquela que mesmo levando o corpo ao limite, não deixa de treinar.

Logo, nos dois casos os resultados são interrompidos. Respectivamente, pela falta de constância e pelo excesso de treino.

Então, é importante conhecer seu corpo, seus limites e não inventar também, desculpas para treinar.

  1. Escolha A Melhor Opção Para Você:

Por fim, para se ter estes resultados nos seus treinos, é fundamental escolher bem:

  • Local do treinamento;
  • Tipo de treino a ser realizado.

Ou seja, em ambos os casos priorizando sua segurança. Em segundo lugar, alinhando isso aos seus objetivos.

Afinal de contas, não adianta nada economizar na mensalidade de uma academia, se você irá gastar mais com sua saúde depois.

Bem como, não irá conseguir alcançar os resultados desejados. Gastando  dinheiro à toa e depois sendo preciso procurar um novo local.

Conclusão

resultados_constantes

Desse modo, para se ter resultados constantes nos seus treinos é preciso seguir as dez dicas mencionadas no texto.

Uma vez que, elas irão garantir tanto sua segurança, quanto a realização de práticas alinhadas de verdade com as suas expectativas.

Sendo assim, não haverá contratempos e falhas ao realizar as atividades definidas juntamente com um profissional especializado.

Então, procure analisar cada uma das dicas mencionadas. Caso necessário, faça uma correção na sua metodologia!

O que você achou deste artigo? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe.

Quadríceps – Melhores Exercícios Com Caneleira Para Os Quadríceps

Se você deseja tonificar seus músculos do quadríceps, a utilização de caneleiras irá aumentar os seus resultados. Isso porque ela irá forçar seu corpo ao fortalecimento.

Logo, esse esforço maior te leva a hipertrofia e ganho muscular na região. Contudo, não é qualquer exercício que deve ser feito com esse acessório e é preciso estar atento a carga. Ou seja, conheça seus limites e não se esforce demais, pois a demasia pode levar a lesões e fraturas, ao invés dos ganhos.

Pensando nisso, vamos mostrar a você a importância da utilização correta das caneleiras. Bem como, exercícios para você desenvolver os músculos do quadríceps. Então, continue lendo!

Qual A Importância Das Caneleiras?

quadríceps

Quem já teve alguma experiência com esse acessório, sabe como ele é fácil de se usar e gerar resultados rapidamente. Afinal de contas, a caneleira é um equipamento de carga. Ou seja, ela possui diferentes pesos para auxiliar nas atividades físicas.

Além disso, ela funciona de forma semelhante aos pesos usados nas mãos para fortalecer os braços. Contudo, não é possível segurar estes pesos com os pés. Logo, eles são caracterizados por acessórios presos a velcro na região do tornozelo.

Sendo assim, eles costumam ser utilizados por pessoas que realizam treinos funcionais ou frequentam academia.

O uso ideal de pesos é importante para evitar lesões. Pois, auxilia no fortalecimento muscular. Além disso, eles elevam o consumo de energia, gastando mais calorias e tonificando o corpo.

Por isso, para quem quer ter maior ganho muscular e estimular a hipertrofia. Deve então, investir nos exercícios que utilizam caneleiras. Principalmente, para desenvolver os músculos do quadríceps que são diretamente impactados pelo seu uso.

Então, além do fortalecimento desses músculos, você irá ter ainda mais estabilidade nas articulações do quadril.

Viu só como o uso ideal desse equipamento pode trazer inúmeras vantagens?

Melhores Exercícios Com Caneleira Para Os Quadríceps

Agora que você já sabe mais sobre o uso de caneleiras, que tal conferir exercícios que irão beneficiar seu quadríceps?

É importante lembrar que todos os movimentos beneficiam outras regiões. Como por exemplo, coxas e glúteos!

  1. Avanço Búlgaro:

Para começar, vamos mostrar um exercício que é feito com auxílio de uma cadeira e que pode ser facilmente feito em casa.

Posicione-se de costas para a cadeira e apoie um dos pés sobre ela, de modo que o peito do pé fique encostado.

Em seguida, dobre o joelho da outra perna à frente formando um ângulo de 90 graus.

Devendo assim, ficar alinhado ao pé apoiado. Ou seja, sem que ele fique numa altura mais abaixo!

  • Série: alterne a posição das pernas e faça 15 repetições.
  1. Avanço Lateral:

O segundo exercício também é bastante simples e irá ajudar você no fortalecimento antes de ir para exercícios mais complexos.

Sendo assim, ele previne lesões através da criação de uma maior flexibilidade e resistência.

Portanto, posicione-se de pé e mova uma das pernas para o lado. Como se estivesse dando um grande passo ao lado, mas, mantendo o pé virado para frente.

Em seguida, dobre o joelho da outra perna formando um ângulo de 90 graus.

Volte então a posição inicial mantendo sempre as mãos juntas em punho acima do peito.

  • Série: alterne a posição das pernas e faça 20 repetições.
  1. Balanço Lateral:

Então, para realizar esse exercício o ideal é que você possua um tapete para ficar sobre ele.

Dessa forma, apoie as mãos no chão e os joelhos. Lembre-se de manter a cabeça voltada para baixo e a coluna reta durante todo o exercício.

No qual, você irá levantar uma das pernas para o alto, formando um ângulo de 90 graus também.

Aqui, seu pé ficara voltado para frente. Enquanto que, a solo estará voltada para os lados.

  • Série: alterne a posição das pernas e faça 20 repetições.
  1. Agachamento Com Uma Perna:

O agachamento com uma perna é mais um exercício simples de realizar, mas, que exige um pouco mais de equilíbrio e força.

Fique de pé e dobre uma das pernas sobre o joelho da outra. Formando assim, o número quatro – “4”.

Depois, estique os braços retos a sua frente e faça um agachamento sem tirar a perna da posição numérica.

  • Série: alterne a posição da perna e repita 5 vezes.
  1. Avanço Frontal:

Como você pode notar, o avanço é um ótimo exercício para os músculos inferiores em geral.

Além disso, sua realização é bastante simples e fácil. Neste exercício, você vai começar posicionando-se de pé e depois dobrando um dos joelhos.

De modo que ele forme um ângulo de 90 graus à sua frente alinhados ao pé.

Ao mesmo tempo que o outro ficara voltado para baixo, sem encostar no chão.

Bastante simples não é mesmo?

  • Série: alterne a posição das pernas e faça 20 repetições.
  1. Elevação das Pernas:

Sendo assim, pegue um tapete e deite em cima dele se posicionando de lado, com o lateral do tronco reta.

Posicione seu braço dobrado de modo a dar suporte a cabeça. Leve o outro à frente do abdômen como se estivesse se apoiando com a mão.

Em seguida, levante a perna superior sem mudar a posição dos pés (apontados para frente).

Aqui, a intenção é que você eleve sua perna o máximo que conseguir. Mas, sempre mantendo-a reta!

  • Série: faça 10 repetições seguidas para cada perna.
  1. Isometria De Dois Apoios:

Por fim, irei mostrar um exercício que além de bom para os quadríceps, também é incrível para a região dos glúteos.

Então, pegue um tapete e o apoie no chão. Posicione suas mãos e joelhos sobre ele.

Depois, levante simultaneamente, o braço esquerdo e a perna direita deixando-os retos.

  • Série: alterne a posição dos braços e pernas fazendo um total de 20 repetições. 

Conclusão

Vimos neste artigo sete exercícios simples e práticos para estimular a região do quadríceps.

Para realizá-los, você pode utilizar caneleiras com pesos ideais para você. De modo que, a sobrecarga irá exigir mais dos músculos, estimulando-os a se desenvolver.

Logo, ao longo a sua prática, você irá ganhar resistência e poderá aumentar progressivamente os pesos.

Mas, lembre-se sempre de respeitar os limites do seu corpo para que você obtenha resultados e não lesões!

Conhece alguém que se beneficiaria desse conteúdo? Então, compartilhe-o com seus amigos.

Proteínas E Carboidratos – Como Incluí-los Em Sua Dieta

Diversas pessoas possuem dúvidas de como fazer para incluir proteínas e carboidratos de forma balanceada em uma dieta sem que haja excessos em qualquer um dos dois tipos de nutrientes.

Logo, não sobrecarregando seu organismo.

Bem como, para impedir que haja um aumento no peso pelo consumo desproporcional de alimentos.

Dificultando assim, o seu emagrecimento!

Contudo, não é difícil encontrar esse desejado equilíbrio.

Além disso, a perda de peso não é o único benefício, como também, o ganho de massa muscular!

Portanto, para saber como controlar o consumo desses nutrientes. Continue lendo este artigo e tire todas as suas dúvidas.

Qual A Importância Das Proteínas E Carboidratos?

proteinas_e_carboidratos

As proteínas e carboidratos são dois nutrientes de extrema importância ao seu organismo.

Enquanto as proteínas são responsáveis pela reparação e crescimento dos tecidos do corpo. Os carboidratos são responsáveis pelo fornecimento de energia.

Logo, ambos precisam estar presentes na alimentação, contudo, deve-se evitar os excessos.

Além disso, dietas compostas por 77% de carboidratos, podem elevar o risco de morte.

Elas podem chegar a fazer com que haja um aumento de 28% deste risco. Principalmente, quando comparadas as dietas em que esse nutriente ocupa somente 46% da alimentação diária.

Lembrando que, as proteínas são bastante consumidas no Brasil. Porém, o maior índice é o do consumo de carboidratos.

  1. O Que Os Especialistas Dizem?

Segundo recomendações médicas, o consumo de proteínas e carboidratos deve ser equilibrado.

Logo, eles estipulam médias diárias para adultos saudáveis. Nas quais, não se deve ultrapassar os valores de:

  • Proteína: 20% das calorias consumidas ao longo do dia;
  • Carboidrato: 55% das calorias consumidas ao longo do dia.

Entretanto, esse consumo máximo deve considerar o estilo de vida de cada pessoa.

Isso porque atletas, por exemplo, devem consumir mais carboidratos. Pois, servirão como fonte de energia na realização de práticas físicas intensas.

Ao passo que, existem pessoas diabéticas que devem diminuir o consumo de ambos os nutrientes!

  1. Quais Os Riscos Do Consumo Irregular?

É importante equilibrar o consumo desses nutrientes quando pensamos na prevenção de doenças como:

  • Diabetes;
  • Obesidade;
  • Dislipidemia;
  • Infartos;
  • Hipertensão arterial;
  • AVC;
  • Câncer.

Uma vez que, proteínas e carboidratos aumentam o peso. Sendo assim, levam ao acúmulo de gordura localizada que acarreta diretamente na insuficiência do organismo.

Isso acontece pela obstrução de veias e artérias e também pela falha nas funções naturais, etc.

Tudo isso, pode ainda ser agravado e levando ao risco de morte precoce do indivíduo.

Como Incluir Proteínas E Carboidratos Na Dieta

proteinas_e_carboidratos

Agora que você já sabe mais sobre a importância desses dois nutrientes, vamos ver como consumi-los.

  1. Proteínas:

As de origem animal devem ser consumidas tanto no almoço, quanto na janta.

Também é importante o consumo preferencial de peixes ricos em ômega 3, ovos e frangos.

Para complementar a alimentação, utilize cortes magros de boi e porco. O recomendado é uma porção de diária de até 200g no máximo.

Para o café da manhã e lanches, o ideal é consumir leite e seus derivados nas versões magras. Tais como, os queijos e iogurtes naturais.

Também devem ser consumidas 1 porção diária daquelas de origem vegetal, como as leguminosas.

  1. Carboidratos:

O carboidrato deve estar presente em cerca de 50 g nas refeições principais, almoço e jantar.

Para atender essa necessidade e não exagerar é bom investir nos alimentos integrais. Como, por exemplo, nas massas e no arroz.

Também invista nos tubérculos com menos índice glicêmico, cozidos ou assados, sendo eles:

  • Mandioca;
  • Batata doce;
  • Inhame;
  • Cará.

Já para lanches intermediários e o café da manhã, procure estimular o consumo de pães integrais. Ou então, de cereais e aveias em conjunto com iogurtes e frutas.

  1. Exemplo de Cardápio Ideal:

  • Café da manhã: 1 unidades de fruta + 1 colher de aveia, acompanhada de 2 fatias de pão integral + 1 fatia de queijo magro ou então, 2 unidades de ovo mexido/cozido;
  • Lanches intermediários: alterne entre uma porção de fruta e 4 unidades de oleaginosas;
  • Almoço: 2 colheres de sopa de arroz integral ou uma porção pequena de massas integrais. Acompanhados de 2 bifes pequenos de frango ou carne + legumes e hortaliças à vontade;
  • Jantar: evite os carboidratos, consuma leguminosas, peixes, legumes e hortaliças à vontade.

Assim, você irá comer bem ao mesmo tempo que alterna alimentos para dar espaço ao equilíbrio entre nutrientes.

Dicas Sobre Proteínas E Carboidratos Para Dietas

proteinas_e_carboidratos

A seguir iremos dar algumas dicas de como inserir ou evitar esses nutrientes em sua dieta.

  1. Substitua As Besteiras Pelas Opções Saudáveis:

Ao iniciar uma dieta é comum que o organismo aumente a sua vontade comer alimentos ricos em carboidratos.

Tais como, os biscoitos, salgados e doces. Desse modo, procure substituir esse consumo por alimentos pobres em carboidratos.

  • Gelatina;
  • Legumes;
  • Frutas;
  • Queijo branco;
  • Iogurte natural;
  • Oleaginosas.
  1. Aposte No Baixo Índice Glicêmico:

Além disso, em relação ao consumo de carboidratos, invista naquele que são aliados do emagrecimento.

Como por exemplo, aqueles que são absorvidos mais devagar. Logo, você evitará os picos de açúcar no sangue.

Este é um ponto muito importante para diabéticos!

Então, procure trocar os pães comuns pelos integrais, escolher frutas desse tipo e consumir:

  • Leguminosas;
  • Leite e derivados magros.
  1. Evite Carboidrato À Noite:

Ao longo do dia, nosso corpo está acelerado e realiza a queima desse nutriente.

Contudo, a noite o metabolismo desacelera. Dessa forma, ele tem dificuldades de absorver os carboidratos.

Portanto, o ideal é consumir carnes brancas, como peixe e branco, e outros alimentos de fácil absorção.

  • Legumes;
  • Frutas;
  • Ovos;
  • Oleaginosas;
  • Hortaliças;
  • Sementes;
  • Queijo branco.
  1. Invista Nos Snacks Proteicos:

Pensando  em opções saudáveis de lanches para equilibrar sua dieta? Esses são perfeitos!

Visto que seu alto teor de proteína mantém o metabolismo em atividade. Enquanto que, sua digestão lenta aumenta a sensação de saciedade.

  • Amaranto;
  • Edamame;
  • Oleaginosas;
  • Creme de Amendoim;
  • Chia;
  • Pasta de atum. 

Conclusão

proteinas_e_carboidratos

Em resumo, vimos neste artigo a relação que as proteínas e carboidratos possuem com o nosso organismo. Uma vez que, eles são nutrientes importantes para um correto funcionamento. Contudo, o excesso pode causar efeitos negativos.

Que vão desde a aquisição de peso até a questão do desenvolvimento de doenças.

Portanto, é importante que você faça o consumo diário. Mas, não ultrapasse seu máximo recomendado, principalmente, quando não estiver em condições ideais!

Ainda possui alguma dúvida sobre este tema? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe.

 

 

Tipos De Agachamentos Que Podem Ser Feitos Em Casa

Se você já frequentou uma academia, ou já pesquisou como tonificar pernas e glúteos, já deve ter ouvido falar desse exercício. Os agachamentos são exercícios mais completos para tonificar e definir o seu corpo. Por isso, vamos te mostrar os tipos de agachamentos e como eles podem ser feitos em casa.

Aliás, esse é um dos benefícios desse exercício, ele pode ser executado em qualquer lugar. Contudo, deve-se tomar cuidado na hora de executá-lo, como em qualquer exercício, a fim de evitar lesões.

O Que é o Agachamento

agachamentos

O exercício conhecido como agachamento é um movimento básico para o ser humano. Ademais, vem sendo estudado cada vez mais pelos teóricos da área que o consideram como o treinamento físico mais importante.

O agachamento é um fortalecimento dos músculos das coxas, quadris, glúteos, tendões, ligamentos e até mesmo os ossos. Práticas de agachamentos são muito usadas para fortalecer os músculos inferiores.

É muito comum observar bebes fazendo movimentos de subir e descer dobrando os joelhos antes mesmo de dar os primeiros passos. Provavelmente, esse é um movimento instintivo do ser humano para fortalecer a musculatura dessa região.

Aliás, para aqueles que procuram bons resultados nos treinos, sejam eles de resistência ou musculação, a prática do agachamento é fundamental.

Ademais, o agachamento produz um padrão motor básico inerente a qualquer indivíduo, ele pode ser executado por grande parte das pessoas. Contudo, é importante observar que há limitações, por exemplo, problemas nas articulações ou lesões musculares podem ser agravados pelo movimento.

Mesmo assim, no geral, o agachamento é um exercício bem simples, e quando bem executado, traz muitos benefícios para o indivíduo, independente dos seus objetivos.

Benefícios Do Agachamento

agachamentos

O agachamento é um movimento funcional, usamos ele para diversas atividades do cotidiano. Como por exemplo, sentar em uma cadeira, ir ao banheiro, pegar algo no chão.

Quando agachamos aumentamos a mobilidade dos quadris e adquirimos força nos grandes grupos musculares das pernas.

Além disso, o agachamento traz diversos outros benefícios como:

  • Exercita O Corpo Por Completo

A prática do agachamento simples, ou seja, sem carga, trabalha o quadríceps femural, glúteo médio, glúteo máximo, bíceps femural (posterior da coxa), abdominal e lombar.

Logo, ao fortalecer glúteos e pernas a lombar fica protegida, e o indivíduo ganha maior equilíbrio do corpo. Ademais, se uma carga for colocada na parte superior do corpo, você terá praticamente todo o corpo sendo exercitado.

Por exemplo, você pode elevar os braços, segurar uma bola, ou uma barra nos trapézios e fazer o agachamento.

Esse é uma alternativa para quem não tem muito tempo, e precisa de exercícios para o corpo todo.

  • Melhora A Capacidade Cardiorrespiratória

Assim como a maior parte dos exercícios físicos o agachamento quando feito da forma correta, permite uma expansão da caixa torácica.

Com isso, há uma melhora na capacidade respiratória e cardíaca.

  • Diminui Problemas De Coluna

Por fortalecer as pernas e os glúteos deixamos de forçar ps músculos da zona lombar e da cintura.

Ademais, o agachamento melhora nossa postura e alinha a bacia. Com isso, temos menos dores nas costas e maior controle do corpo.

  • Aumenta O Bumbum

O agachamento também propicia o aumento dos glúteos. O sonho de muitas mulheres é ter um bumbum maior, então o agachamento é o exercício certo.

Contudo, para aumentar qualquer músculo do seu corpo é necessária a hipertrofia, e isso só acontece com estímulos de cargas.

Tipos De Agachamentos

agachamentos

  • Agachamento Simples

O agachamento simples consiste em estar de pé, com as pernas e os pés afastados na largura dos ombros e apoiados totalmente no chão, dobrar os joelhos.

Os joelhos devem ser dobrados jogando o quadril para trás, como se sentasse em uma cadeira. Os pés devem permanecer firmes durante todo o movimento e a coluna deve estar reta.

Depois estique as pernas que estavam dobradas, voltando a posição inicial de pé. Ademais, durante todo o exercício é importante manter os braços esticados na frente do corpo para manter o equilíbrio.

  • Afundo

O afundo é um dos tipos de agachamento mais versáteis. O afundo pode ser conhecido por lunge, ou como avanço. Consiste em dar um passo para frente flexionando o joelho até que a coxa da perna que avançou fique paralela ao chão.

O pé que deu o passo deve permanecer totalmente apoiado no chão, enquanto que o de trás deve manter o calcanhar levantado, sem tocar o chão.

O quadril deve descer lentamente até que o ângulo da perna que avançou forme um ângulo de 90º.

O joelho da perna de trás deve ficar muito próximo do chão.

Depois você deve subir e voltar à posição inicial, fazendo repetições do exercício e alternando a ordem das pernas.

Aliás, durante o exercício não é recomendado tocar nas pernas para subir. Procure segurar os quadris, ou pegue halteres para dificultar mais o movimento.

  • Agachamento Sumô

Esse tipo de agachamento é muito similar ao simples, apenas exige que os pés fiquem afastados com as pontas voltadas para fora.

Os outros movimentos são iguais ao do agachamento simples.

O agachamento sumo pode ser feito com o uso de pesos. Aliás, o praticante pode segurar halteres nas mãos ou kettlebells, por exemplo.

  • Agachamento Com Salto

Esse agachamento além de tonificar o corpo, e contribuir para a perda de gordura, ele também aumenta sua resistência cardiorrespiratória.

Por contar com um treino aeróbico e de resistência ao mesmo tempo, ele aumenta o gasto de energia, consequentemente, queima mais carboidratos.

Para realiza-lo é necessário saltar e ao tocar o chão na volta é importante flexionar os joelhos e repeti-lo novamente.

Conclusão – Tipos de Agachamentos

agachamentos

Como pudemos ver, o agachamento é um exercício funcional e prático, podendo ser executado em qualquer lugar.

É valido ressaltar que as dicas apresentadas são formas de se fazer, mas não são as únicas.

E podemos contar com diversos benefícios para o praticante, portanto, procure um profissional da área para saber quais os melhores agachamentos para você e monte seu treino de acordo com o que você precisa.

Contudo, antes de iniciar qualquer prática de atividades físicas é importante consultar um médico, para avaliar suas condições físicas.

Ainda tem alguma dúvida sobre este assunto? Deixe seu comentário para que possamos esclarecê-la!

 

 

Dicas De Sobremesas Fit Fáceis De Fazer

As sobremesas fit fáceis são opções saudáveis capazes de suprir a vontade de comer besteiras doces. Principalmente, para as mulheres. Pois, elas possuem maior desejo por doces, facilitando o consumo desses sem que haja culpa!

Logo, essas sobremesas te permitem escapulir da dieta sem que haja prejuízos à sua realização. Auxiliando ainda no ganho de massa muscular, já que os ingredientes são benéficos ao correto funcionamento do organismo e produção de energia.

Então, para quem possui uma vontade incontrolável de comer doce. Conhecer e aprender a fazer sobremesas fit fáceis é uma ótima saída!

Portanto, continue lendo este artigo e confira quatro receitas incríveis que separamos para você!

4 Sobremesas Fit Fáceis E Práticas

sobremesas_fit

Em geral, as sobremesas fit fáceis devem possuir mais proteínas do que qualquer outro nutriente.

Além disso, elas basicamente consistem na adaptação de receitas tradicionais. Mas, com a utilização de produtos menos calóricos.

  1. Bolo de Cenoura com Laranja de Geladeira:

  • 150 g cenoura;
  • 125 g de amêndoas torradas;
  • 75 g de uvas passas clara;
  • 25 g de nozes;
  • 1/2 colher de chia;
  • 1/2 colher de linhaça;
  • 1/2 colher de semente de abóbora;
  • 1/2 colher de semente de girassol;
  • 1 colher de melaço;
  • 1 colher (café) de extrato de baunilha;
  • 1 colher (café) de canela em pó;
  • Raspas de laranja e um pouco de suco.

Modo de Preparo: coloque a cenoura no processador (ou liquidificador) e bata, depois acrescente os outros ingredientes. Exceto o suco da laranja, que deve ser colocado aos poucos.

Deixe processar até ficar crocante e homogêneo, mas, sem deixar criar grumos.

Por fim, resultará em uma massa de cores variadas. Transfira para um refratário e leve para gelar por cerca de 4 horas.

Benefícios: a laranja da receita é rica em vitamina C, boa para tratar resfriados, além de possuir betacaroteno que por sua vez, realiza a prevenção do câncer e doenças cardiovasculares.

Já as sementes presentes nela, são fontes incríveis de proteínas, gorduras boas, vitaminas e nutrientes.

  1. Crumble Com Frutas:

  • 200 g de ameixas frescas cortadas;
  • 150 g de mirtilo;
  • 100 g de amoras;
  • 150 g de flocos de aveia;
  • 75 g de farinha integral;
  • 60 g de açúcar mascavo;
  • 40 g óleo de coco;
  • 60 g de castanha do pará moída;
  • 50 g de amêndoas picadas;
  • 3 colheres de melaço.

Modo de Preparo: misture óleo de coco com a farinha até criar uma farofa, para isso use as pontas do dedo ou misture no processador. Em seguida, acrescente o açúcar mascavo, flocos de aveia, oleaginosas e canela em pó a gosto.

Feito isso, para o “recheio”, misture todas as frutas junto com o melaço no fundo de um refratário de vidro.

Você pode ainda, polvilhar gengibre se desejar, para auxiliar o metabolismo.

Coloque a farofa por cima e leva ao forno pré-aquecido a 180°C por cerca de 25 minutos.

Benefícios: uma das melhores opções de sobremesas fit fáceis, ela é rica em antioxidantes, fibras e gorduras boas. Além disso, ela é rápida e utiliza pouco açúcar.

  1. Pudim Fitness:

  • 1 kg de morango, cereja ou framboesa;
  • 12 fatias de pão integral;
  • 6 colheres de açúcar de coco;
  • 120 ml de água;
  • Óleo para untar.

Modo de Preparo: separe 4 forminhas de 150 ml e unte-as com o óleo, podendo ser manteiga ghee ou azeite. Retire a casca do pão e corte ele em pedaços, que deverão ser encaixados nas formas untadas. Mas, sem deixar nenhum espaço livre.

Em uma panela, coloque o açúcar, frutas (que pode ser um mix das opções mencionadas) e a água.

Cozinhe por cerca de 5 minutos ou até formar uma calda.

Utilize-as para regar as formas, depois espalhe as frutas entre os 4 recipientes e leve para gelar com o peso em cima durante a noite.

Benefícios: perfeita para dias quentes, ela é rica em fibras e antioxidantes, além de ser feita rapidamente.

  1. Bolo de Chocolate:

  • 300 ml de iogurte natural;
  • 100 g de açúcar demerara;
  • 80 g de farinha – pode ser integral;
  • 70 g de cacau em pó;
  • 2 claras e 1 ovo;
  • 2 colheres açúcar mascavo;
  • 4 colheres de mel ou calda de açúcar;
  • 1 colher (chá) de café em pó;
  • 1 1/4 colher (chá) de bicarbonato de sódio;
  • 1 colher (chá) extrato de baunilha;
  • Óleo de coco para untar.

Modo de Preparo: para fazer essa receita, você irá precisar separar 3 tigelas. Desse modo, em uma delas, peneire a farinha, açúcar mascavo, bicarbonato, café e acrescente uma pitada de sal. Em outra tigela, bata o mel, 1 ovo, iogurte e baunilha até homogeneizar. Depois, acrescente 100 g de açúcar e claras na batedeira e bata até ficar brilhante e em ponto de neve.

Misture a segunda tigela com os ingredientes da primeira e depois, incorpore um terço das claras batidas.

Por fim, acrescente o restante das claras batidas incorporando até homogeneizar.

Despeje em uma assadeira untada e asse em forno pré-aquecido a 180° C por cerca de 30 minutos.

Após retirar do forno, deixe descansar por pelo menos 5 minutos antes de desinformar.

Rendimento: 12 fatias.

Benefícios: ela é uma opção mais saudável para os chocólatras de plantão, possui pouca gordura e é rica em antioxidantes.

Conclusão

sobremesas_fit

Desse modo, vimos quatro opções de sobremesas fit fáceis para você fazer rapidamente.

Assim sendo, a partir de agora você poderá aproveitar doces sem precisar sair da dieta. Ou sentir culpado por consumir “besteiras”.

Dessa forma, você ainda nutri seu organismo com o consumo de alimentos saudáveis, mudando sua relação com as opções saudáveis.

Pois, é possível sim comer doces sem engordar.

De quebra, ainda estar fazendo bem ao seu organismo!

Conhece alguém que iria gostar desse conteúdo? Compartilhe então, para que ela possa se beneficiar também!

Os 8 Benefícios Do Aeróbico – Como Perder Barriga?

Os benefícios do aeróbico são diversos e fazem muito bem tanto à saúde, quanto a estética do indivíduo.

Desse modo, os aeróbicos são todos aqueles exercícios ritmados. Ou seja, que estimulam o uso elevado de músculos maiores e tendões.

Ao mesmo tempo, eles exigem um bom funcionamento do coração e pulmões, fortalecendo e tornando-os mais resistentes.

Em tradução livre, eles podem ser definidos como “com oxigênio”. Pois, é o oxigênio é usado na produção de energia ao realizar essas atividades.

Além disso, os exercícios aeróbicos são diversos, tais como: a caminhada, bicicleta, aulas específicas, etc.

Portanto, se você quer conhecer melhor os benefícios dessa prática, continue lendo!

Conheça Os 8 Benefícios Do Aeróbico

beneficios_do_aerobico

Abaixo, irei listar para você os oito principais benefícios do aeróbico para que você entenda sua importância!

  1. Melhora A Saúde Do Coração:

O coração é um dos músculos mais importantes do corpo humano e um dos que mais trabalha.

Por isso, é importante cuidar de sua saúde e fortalece-lo. Desse modo, os benefícios do aeróbico são perfeitos, pois:

  • Fazem com que os batimentos cardíacos fiquem mais fortes;
  • Melhoram o fluxo sanguíneo em todo o corpo;
  • Auxiliam no transporte de nutrientes e oxigênio para as células;
  • Elevam a remoção de toxinas e outras substâncias metabólicas.

Isso porque ao exigir mais do coração, ele se torna mais forte e resistente. Passando assim, a bombear melhor o sangue.

  1. Fortalece o Sistema Respiratório:

Melhora a eficácia do sistema respiratório em abastecer o corpo todo com oxigênio.

Ao fazer aeróbicos, o sistema respiratório passa a ser mais trabalhado e com isso, realiza um maior aporte desse elemento.

  1. Prevenção À Problemas De Saúde:

Além disso, os benefícios do aeróbico se estendem a prevenção de doenças como:

  • Cardiovasculares;
  • Pressão sanguínea alta;
  • Artrite;
  • Derrames;
  • Infartos e AVCs;
  • Colesterol alto;
  • Diabetes tipo 2.

Para quem corre ou caminha, é possível prevenir ainda a osteoporose. Para quem já sofre com algumas dessas condições, o exercício também auxilia.

Ou seja, combate os efeitos colaterais, fortalece o sistema imunológico ou até cura (colesterol).

Já em relação ao fortalecimento da imunidade, isso auxilia ainda na prevenção de doenças virais. Tais como, gripes e resfriados.

  1. Redução Da Gordura Corporal:

Muitas pessoas procuram por exercícios aeróbicos para elevar sua queima de calorias.

Entretanto, ele vai muito além disso! Já que ele atua diretamente na gordura corporal queimando-a.

Uma vez que, o oxigênio é o responsável pela geração de energia nessa atividade e ele atua nessa queima.

Portanto, com esse exercício você irá queimar aquelas gorduras localizadas em diferentes regiões do corpo.

Mas, é preciso manter uma boa alimentação sempre! 

  1. Diminui O Colesterol Ruim:

Conhecido também, como LDL, aqui os benefícios do aeróbico tem como função reduzir suas taxas.

Desde que a pessoa tenha uma boa alimentação saudável, é claro. Ao mesmo tempo os exercícios elevam o HDL – colesterol bom.

Com isso, as artérias ficam limpas, livres de gordura e placas, funcionam melhor e protegendo o sistema cardiovascular.

  1. Controla Os Níveis De Açúcar No Sangue:

Como os exercícios aeróbicos melhoram a circulação sanguínea, consequentemente, eles auxiliam na redução dos picos de glicose.

Ou seja, sendo um ótimo aliado de pessoas que sofram de diabetes tipo 2. Mas, para isso é importante realizar os exercícios de cardio.

  1. Relaxante Muscular E Fortalecedor De Ossos:

Outro de seus benefícios, é que eles são relaxantes musculares e fortalecedores ósseos.

Esse é um fator muito importante. Principalmente, para pessoas acima de 45 anos de idade, mas, que qualquer um pode se beneficiar também.

Essa atividade eleva a absorção de cálcio pelos ossos.

Logo, evita fraturas e outros danos, enquanto melhora a flexibilidade e relaxamento dos músculos.

  1. Aumenta A Felicidade:

Por fim, um dos benefícios do aeróbico que iremos citar é a elevação do bom-humor.

Isso acontece porque o corpo acaba liberando mais oxitocina. Um dos hormônios responsáveis pela felicidade.

Sendo assim, essa atividade se mostra ideal para dias estressantes e cansativos, nos quais precisamos melhorar nosso bem-estar.

Como Perder A Barriga Com Os Benefícios Do Aeróbico?

beneficios_do_aerobico

Agora que você já conhece seus benefícios, que tal conferir os melhores exercícios aeróbicos para perder a barriga?

Portanto, irei listar aqueles que podem ser praticados em qualquer lugar. Seja em casa, na rua, no parque ou inclusive na academia.

Mas, é importante procurar um cardiologista e verificar como anda sua saúde e por qual deles começar.

Além disso, lembre-se sempre de beber bastante água. Não apenas durante a realização da prática como ao longo do dia!

  1. Caminha ou corrida: seja na rua ou na esteira, essa é uma opção excelente para perder peso e melhorar o condicionamento físico. Mas, esteja atento, pois, você deve conseguir falar e não se sentir mal durante a realização;
  2. Jump: essa atividade é bastante divertida já que ela é feita com auxílio de uma cama elástica. Desse modo, você pode colocar músicas para ritmar seus movimentos, coreografias, saltos e exercícios. Tudo isso, além de auxiliar no emagrecimento ainda melhor o controle e equilíbrio corporais. Bem como, auxilia na postura, mantendo a coluna ereta;
  3. Pular corda: saltos e movimentos coordenados são ótimos para queima de calorias, além de ser uma atividade divertida e prazerosa. Ao elevar o condicionamento e prática, é possível misturar a prática com outros exercícios ou realizar saltos diferenciados;
  4. Dançar: independente da música, dançar e realizar coreografias melhoram o raciocínio, equilíbrio, bem-estar e a queima de gorduras na região do abdômen;
  5. Escadas: pode até parecer que não, mas, subir e descer escadas é um ótimo exercício a ser feito. Pois, eles auxiliam na perna de peso, resistência e tonificação de glúteos e coxas;
  6. Movimentos repetitivos: a realização de movimentos rápidos e sequenciais também fazem parte dos aeróbicos. Trabalhando assim, grande parte dos músculos e acelerando o processo de perda de peso;

Conclusão

beneficios_do_aerobico

Portanto, os benefícios do aeróbico são muitos, indo desde o fortalecimento e resistência do corpo.

Até mesmo no combate e prevenção de doenças. Pois, eles melhoram o sistema imunológico e queimam as gorduras localizadas.

Contudo, para realização da prática é importante ir em um médico especialista antes verificar seu condicionamento.

Estando tudo certo, aposte nos aeróbicos sem medo e com intensidade. Já que, quanto maior intensidade, frequência e duração, maior será sua:

  • Força;
  • Resistência;
  • Queima de gorduras e calorias.

Esse artigo foi útil para você? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe!

 

 

O Que Fazer Para Emagrecer Em Pouco Tempo?

Já tentou várias vezes, mas não consegue perder peso? Não se desespere! Com tanta informação disponível, é comum que encontremos algumas que mais atrapalham do que ajudam.  Contudo, existem hábitos que você pode inserir no seu dia a dia que vão fazer você emagrecer em pouco tempo.

O mais importante é você perder peso com saúde.

Por isso, saiba que dietas restritivas vão mexer com o funcionamento do seu metabolismo. Além disso, é bem provável que aconteça o efeito sanfona.

Para evitar isso e garantir um emagrecimento saudável, vamos te dizer as mudanças que você precisa fazer na sua rotina para perder peso.

Hábitos Para Emagrecer em Pouco Tempo

emagrecer_em_pouco_tempo

  1. Faça Exercícios

Apesar do exercício corresponder somente a 20% do resultado quando se trata de emagrecimento, ele não deixa de ser essencial.

Se seu objetivo é perder peso com saúde, arranje um tempo no seu dia para encaixar uma atividade física.

Pode ser a que você preferir, correr, caminhar, andar de bicicleta ou até musculação.

O importante é não ficar parada.

A atividade física vai acelerar o seu metabolismo e fazer com que você queime muito mais calorias.

Além disso, ao fazer exercícios, nosso organismo libera endorfina. A endorfina é o hormônio responsável pela sensação de prazer e felicidade.

Por isso, praticar alguma atividade também vai te deixar mais feliz, relaxado e com mais disposição.

  1. Déficit Calórico

Não adianta seguir dietas muito restritivas que você encontra na internet. O que vai realmente fazer você perder peso é a diferença entre as calorias que você gasta e as que você ingere.

Além disso, as dietas restritivas não são sustentáveis a longo prazo. Isso quer dizer que, você vai até emagrecer, mas é provável que ganhe todos os quilos novamente.

Para emagrecer, você tem que gastar mais calorias do que consume, durante o dia. Ou seja, o seu saldo de calorias diárias vai ficar negativa.

Com isso, seu corpo vai começar a queimar a gordura acumulada.

Contudo, não fique paranoico para contar calorias. Só faça uma média. Tente se alimentar de forma balanceada e praticar exercícios.

Atenção A Alimentação

emagrecer_em_pouco_tempo

  1. Reeducação Alimentar

Já ouviu falar em reeducação alimentar? Sim, funciona bem melhor do que dietas que prometem emagrecer em pouco tempo.

Isso porque a reeducação alimentar é uma mudança de hábitos. Ou seja, você vai passar a se alimentar sabendo qual é o impacto que cada alimento faz no seu corpo.

Dessa forma, vai priorizar comer mais nutrientes e vitaminas e menos falsos alimentos. Para isso, procure ingerir mais comidas naturais e menos as industrializadas.

É provável que os industrializados não acrescentem nada a sua saúde. Pois são compostos por aditivos químicos, que só servem para conservá-los e deixá-los mais apetitosos para serem comprados.

Por isso, tente se alimentar de forma balanceada. Isto é, inclua todos os tipos de alimentos nas suas refeições.

Assim, seu corpo vai eliminar o que não é necessário e você vai emagrecer em pouco tempo e de forma saudável.

  1. Coma Devagar

Você sabia que a velocidade que você come influencia na sua perda de peso? Isto porque, ao comermos muito rápido, a digestão não é bem feita.

Da mesma forma, nós também nos sentimos menos saciado e por menos tempo ao comer rápido.

Mesmo com uma rotina corrida, tente focar somente na refeição enquanto estiver comendo.

Desse jeito, seu corpo vai entender melhor que você está ingerindo nutrientes e vai enviar o sinal de saciedade para o seu cérebro.

Assim, você evita de ficar com fome logo em seguida e comer mais.

Mais Dicas para Perder Peso

emagrecer_em_pouco_tempo

  1. Hidrate-se

A ingestão de água vai facilitar muito o processo de emagrecimento. Isso porque quanto mais água, mais você vai colocar líquidos para fora do seu corpo.

Logo, você vai eliminar toxinas que atrapalham a sua perda de peso.

Além disso, beber um copo de água antes das refeições, vai te deixar saciado mais rápido. Então, você vai comer menos.

É recomendado que você beba 2 litros de água por dia.

Se você é como muitos e possui dificuldade de beber água, tente adicionar um sabor a ela. Por exemplo, coloque rodelas de laranja ou limão dentro de uma jarra de água.

Desta forma, sua água vai ficar com o sabor da fruta e você vai conseguir ingerir com maior facilidade.

Outra opção que também fica ótima, é colocar frutas vermelhas na mistura.

  1. Não Fique Com Fome

Esse é um erro comum!

Muitas pessoas acham que para emagrecer, temos que comer menos. E com isso, passam horas sem se alimentar.

Essa prática só vai te deixar com mais fome, e na hora que for comer, vai ingerir o dobro de comida para se sentir saciado.

Ou seja, ficar sem comer não faz você perder peso.

Para emagrecer de verdade, o ideal é você não sentir fome. Desta forma, você vai comer pouco em todas as refeições.

Para isso, não pule nenhuma refeição. E se possível, faça lanches entre elas.

Assim, você não sente fome e come somente o necessário.

Conclusão

emagrecer_em_pouco_tempo

Agora, você já tem as principais dicas de como emagrecer em pouco tempo. Contudo, lembre-se que é preciso dedicação e comprometimento com seus objetivos.

Uma boa forma de começar, é mudar os seus hábitos e adapta-los as dicas que você viu neste artigo. Dessa forma, o seu emagrecimento vai ser saudável e de uma forma natural.

É importante também consultar um médico especializado para ver qual é a melhor dieta para você e acompanhar as mudanças do seu corpo.

Gostou do artigo? Conta para a gente se já está colocando em prática alguma das dicas.

 

 

Melhores Suplementos Para Crescer De Forma Constante

A busca por um corpo bonito, definido, mais tonificado e saudável cresceu muito nos últimos anos. Contudo, a vida agitada e a má alimentação faz com que as pessoas necessitem de suplementos alimentares para crescer.

Por isso, vamos te mostrar os melhores suplementos para atingir seus objetivos.

O número de pessoas que praticam atividade física cresceu, com isso a variedade de produtos que estimulam a hipertrofia dos músculos também.

Nesse artigo, vamos te apresentar um pouco mais dos principais produtos para hipertrofia, e como eles funcionam.

O Que São Suplementos Para Crescer

melhores_suplementos

A alimentação das pessoas tem passado por algumas mudanças na atualidade. Os fast-foods e as comidas industrializadas estão dando lugar a alimentos mais orgânicos e saudáveis.

Contudo, como a mudança ainda é lenta, temos que considerar a suplementação da nossa alimentação.

Os suplementos nutricionais são compostos utilizados para complementar a nossa necessidade diária de nutrientes ou calorias, a depender do tipo de alimentação.

A suplementação pode ser feita por todos os tipos de pessoas, e deve ser indicada por um profissional especializado.

Geralmente, a suplementação se dá por pessoas saudáveis que buscam repor os nutrientes perdidos, durante as atividades e durante a prática de atividade física.

Como a busca dos praticantes de atividades físicas normalmente é a hipertrofia, muitos deles fazem uso de suplementos proteicos.

O suplemento proteico além de ser um suplemento para crescer, aumentar o volume da massa muscular, também é usado para aumentar a resistência física do corpo.

No Brasil, ainda não há na legislação brasileira uma descrição de suplemento alimentar.

Com isso, não há definição para esses produtos.

Alguns produtos que são comercializados em outros países não podem ser vendidos no Brasil, por conta dessa falta de especificação.

Os suplementos no Brasil devem ser encaixados na categoria de alimentos, com isso, muitos deles são proibidos no país.

Benefícios da Suplementação

melhores_suplementos

Como já vimos, a suplementação alimentar auxilia o nosso corpo na reposição dos nossos nutrientes.

Contudo, a suplementação traz diversos benefícios e vantagens para o nosso organismo.

Como por exemplo, auxilia pessoas idosas com a perda de massa muscular e óssea. A ingestão de proteínas, por meio da suplementação ajuda na reconstrução dos tecidos.

Ademais, a ingestão de suplementos e atividade física garante uma eficácia maior na manutenção da massa muscular e óssea, aumentando a qualidade de vida e prevenindo doenças.

Outro grande beneficio é a melhora substancial na imunidade.

Há diversos componentes presentes nos principais suplementos que atuam de forma direta junto às defesas do corpo.

Com um sistema imunológico funcionado bem, o individuo raramente ficará doente.

Além disso, a suplementação também auxilia na recuperação do corpo e dos músculos, tanto por meio do estimulo da atividade física, como também em cicatrizações pós-operatórias.

Também é possível conseguir mais energia e disposição no dia a dia com a ingestão de suplementos.

Não apenas o desempenho na academia melhora, como também o seu desempenho no trabalho, ambos são beneficiados.

No cérebro o suplemento age diretamente nas funções do sistema nervoso.

Como é o caso do ômega 3 que protege os ácidos graxos, a cafeína que estimula o sistema nervoso e a creatina que melhora o raciocínio e a memória.

Todos esses compostos estão presentes em grande parte dos suplementos.

Aliás, é válido ressaltar que antes de ingerir qualquer produto de suplementação alimentar é aconselhável a procura de um profissional da área. Como por exemplo, um médico, um nutricionista.

Quais os Principais Suplementos para Crescer

melhores_suplementos

  • Whey Protein

Sendo um dos principais suplementos para crescer, o Whey Protein é composto basicamente por proteínas.

Essas proteínas formam uma cadeia de aminoácidos interligados.

Este suplemento fornece os aminoácidos essenciais para os nossos músculos e que só podem ser obtidos por meio da alimentação, ou suplementação.

O Whey Protein deve ser ingerido logo após os treinos porque é nesse momento em que o nosso corpo utiliza a proteína para recuperar os músculos.

Contudo, a ingestão irá variar de pessoa para pessoa.

Ademais, é aconselhável que o suplemento seja consumido somente com água, para que tenha uma absorção mais rápida.

  • BCAA

O BCAA também é um suplemento para aumentar a massa muscular. Ele é composto por três aminoácidos de cadeia ramificada (L-Leucina, L-Valina e L-Isoleucina).

Aliás, assim como o Whey Protein, é recomendada sua ingestão logo após a pratica de exercícios físicos.

O BCAA evita o catabolismo, reduz a fadiga e ajuda na recuperação muscular.

Contudo, é valido lembrar que para estabelecer a quantidade do produto a ser ingerida, um médico ou nutricionista deve ser consultado.

  • ZMA

O ZMA é constituído de zinco, magnésio, vitamina B6 e aspartato. Esses nutrientes estimulam a produção de testosterona, que é o principal hormônio do crescimento.

O zinco e o magnésio são fontes que estimulam o crescimento muscular.

Ademais, o ZMA deve ser combinado com alguma fonte de proteína. Apesar de o ZMA ser um suplemento que ajude na produção de testosterona, hormônio masculino, ele também pode ser consumido por mulheres.

Visto que, as mulheres também produzem testosterona, só que em menor quantidade que o homem.

Esse suplemento é encontrado em cápsulas ou comprimidos e a quantidade a ser tomada vem na embalagem.

O ZMA atua como complemento de minerais, e deve ser combinado com a ingestão de proteínas.

Seu consumo pode ser feito antes e depois do treino. Seu efeito é progressivo, portanto a frequência que gera resultados.

  • Creatina

Formada a partir de aminoácidos a creatina gera uma força explosiva no organismo, visto que incha as células e os músculos.

Com isso, ela ajuda na hipertrofia.

Ademais, também recompõem rapidamente as energias do organismo, por isso, ela é capaz de aumentar a força e a desempenho esportivo.

A creatina também auxilia no ganho de massa magra. Esse suplemento geralmente é ingerido durante o pós-treino.

Por ter efeito cumulativo, o horário não faz muita diferença. Aliás, a creatina auxilia no aumento de água no músculo, levando ao crescimento do músculo como também a hidratação do mesmo.

Conclusão – Suplementos para Crescer

melhores_suplementos

O uso de suplementos alimentares se tornou algo muito comum na sociedade moderna. Contudo, sua ingestão deve ser feita por recomendação e acompanhada de um médico ou nutricionista.

Além disso, existe diversos tipo de suplementos que estimulam a hipertrofia do músculo.

É importante encontrar aquele que mais se encaixa nas suas necessidades de suplementação e treino.

Alie o suplemento vitamínico Trembodrol, com o seu suplemento alimentar para aumentar seu ganho de massa muscular.

Este artigo foi útil para você? Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos nas redes sociais.

Erros Comuns Que Impedem Você De Crescer

Se você está buscando a hipertrofia, porém sem sucesso, fique tranquilo! Este pode ser um processo demorado e que requer muita paciência e disciplina, mas você precisa saber os erros comuns que você comete que prejudicam seus ganhos.

A velocidade que você atinge a hipertrofia vai depender dos seus hábitos alimentares e de exercícios. Além disso, também vai variar de acordo com a sua genética.

Por isso, não se desespere. Vamos te mostrar os 5 erros mais comuns para quem quer aumentar os músculos.

Pode ser que você esteja cometendo um ou mais deles.

Erros Comuns Que Te Impedem De Alcançar a Hipertrofia

erros_comuns

  1. Não Treinar O Tempo Adequado

Esse é um dos erros comuns que todos cometem. O tempo de treino correto vai intensificar e acelerar seu ganho de massa. Mas, quanto tempo é preciso ficar na academia para isso?

Durante o seu treino, a força que você faz cria fissuras nas suas fibras musculares. É exatamente a reconstrução dessas fibras que gera o crescimento.

Por isso, treinar todos os dias só vai deixar seus músculos sobrecarregados e sem tempo de se recuperar.

Por outro lado, algumas pessoas escutam isso e passam a acreditar que o segredo é descansar.

Por isso, não vamos ser extremistas.

Tente manter o equilíbrio. Ou seja, treine de 4 a 5 vezes na semana e separe os outros dias para descansar.

Dessa forma, você vai trabalhar seus músculos e ter o tempo de repouso necessário para alcançar os resultados que você deseja.

  1. Não Ser Consistente

Outro erro muito cometido é a falta de consistência dos seus treinos. Não adianta ir 2 vezes em uma semana, 4 na outra e 3 na próxima.

O que vai fazer você ver resultados, é ter uma rotina de treinos consistente. Ou seja, escolha os dias que você vai malhar e faça assim todas as semanas.

É importante não deixar de ir. Dessa forma, seus músculos vão receber os estímulos necessários para crescer.

Não adianta ter um treino muito bem elaborado e feito para você, se você não o seguir de forma consistente.

Erros Comuns que te Impedem de Crescer

erros_comuns

  1. Fazer Todo Dia o Mesmo Treino

Você sabia que cada corpo responde de uma forma aos exercícios? Por isso, o erro mais comum das pessoas é ter um treino que não foi feito para você.

Para isso, converse com seu instrutor sobre seus objetivos, gostos e disponibilidade para malhar.

Dessa forma, a sua sequência de exercícios será só sua. Pois, o treino de outra pessoa pode fazer resultado para ela, mas não para você.

Da mesma maneira, fazer a mesma serie todos os dias não vai te gerar resultados por muito tempo.

Isso porque os músculos precisam de estímulos diferentes.

Por isso, é importante trabalhar todos os músculos do corpo e não focar naquele que você mais quer que cresça.

Além disso, procure mexer na quantidade de repetições e de carga a fim de você sentir-se desafiado todos os dias.

  1. Comer Só Proteína

É possível que você já tenha lido em algum lugar que a proteína vai te levar a hipertrofia, correto?

Não deixa de ser verdade.

Porém, comer só proteína não vai te levar a lugar nenhum. É preciso que você inclua na sua dieta os carboidratos com baixo índice glicêmico.

Por exemplo, verduras, legumes e frutas.

Além disso, é importante ter uma dieta balanceada todos os dias, inclusive nos finais de semana.

A dieta tem grande influência no crescimento dos seus músculos e no tempo que vai demorar até você ver os resultados.

É possível que só malhar não vá fazer você atingir seus objetivos. Por isso, é preciso alinhar a musculação com uma boa alimentação.

Não Foque nos Outros

erros_comuns

  1. Se Comparar Com os Outros

Você pode achar que isso não influencia, mas pode te atrapalhar muito.

Como foi falado, os resultados variam de acordo com alimentação, treino e genética. Por isso, pode ser que alguém os veja antes de você.

Contudo, isso não é motivo para se preocupar. Lembre-se que cada um tem seu tempo e uma vida com fatores diferentes.

Da mesma forma, a comparação via redes sociais também não é recomendada. Você pode sim utilizar alguns perfis como inspiração, mas não se compare.

Na internet, as imagens podem estar manipuladas e tiradas para favorecer o corpo de quem posta. A comparação só vai te deixar desmotivado.

Para se ajudar e te manter incentivado, passe a acompanhar o seu progresso. Assim que você começar a ver os resultados, vai ficar com vontade de mais.

Para isso, defina seus objetivos e tire as medidas necessárias. Depois de duas semanas, veja se algo mudou nas suas medidas.

Além disso, você pode tirar uma foto do primeiro dia e depois tirar outra foto, no mesmo local e com a mesma roupa, para ver se tem alguma mudança visualmente perceptível.

Conclusão: Hipertrofia

erros_comuns

Agora que você já sabe o que não fazer quando for para a academia, é possível que seus resultados melhorem consideravelmente.

Para potencializar mais seus treinos, procure um profissional para fazer uma serie especifica para você e seus objetivos.

Além disso, é importante que você seja realista com seus objetivos. A fim de não desmotivar, estabeleça metas de curto prazo e, quando as atingir, aumente-as.

Dessa forma, você vai dosando as suas expectativas e não fica desanimado.

Gostou do artigo? Conta para a gente se você estava cometendo alguns desses erros.