Por Que Fazer Reeducação Alimentar NÃO É Difícil

Você está querendo emagrecer ou até mesmo, simplesmente, ter hábitos mais saudáveis? De qualquer jeito, a solução é fazer uma reeducação alimentar.

Muita gente acha que isso é muito difícil, mas na verdade precisa apenas ter foco e determinação.

Pois, conforme você vai aprendendo mais sobre os alimentos e os seus benefícios, você acaba gostando do processo.

Afinal, você sente como se tivesse controle sobre a própria alimentação e saúde. E você tem mesmo.

Então, continue lendo esse artigo para saber mais dicas de como fazer essa reeducação.

Qual A Importância Da Reeducação Alimentar?

Reeducação-AlimentarSe você já desejou fazer uma dieta e perder aqueles quilinhos, mas nunca conseguiu, você deveria tentar fazer uma reeducação alimentar.

Pois, é um processo onde você aprende a se educar e educar o seu cérebro a comer melhor e de maneira mais saudável.

Por isso, ao contrário de uma dieta que você faz para emagrecer, a reeducação não tem um prazo de validade. E talvez, essa seja a sua maior vantagem.

Afinal, muitas pessoas tentam dietas malucas e muito restritivas para emagrecer e não dá certo.

Na verdade, na maioria dos casos, você até consegue emagrecer. Mas, o problema é quando a dieta acaba.

Geralmente, você volta a se alimentar como comia antes, ou até mais, devido a necessidade que você sente depois de ter se restringido tanto.

Com isso, você acaba ganhando todo o peso novamente, de maneira muito rápida e não saudável.

Então, a dieta não adiantou muito porque você não mudou o seu mindset, apenas ficou um tempo sem se alimentar como o costume.

Isso acontece porque você não tirou tempo para mudar os seus hábitos alimentares e aprender a se alimentar melhor.

E é só assim que você conseguirá manter um peso ideal, e o corpo que deseja. Mantendo os seus hábitos saudáveis e garantindo uma boa saúde.

Assim, você irá conseguir emagrecer sem muito esforço. Apenas adotando novas rotinas alimentares na sua vida.

E ao se tornar uma rotina, você consegue fazer com que não necessite de esforço algum. Então, conhecendo os alimentos e os seus valores nutritivos, você aprende a tomar decisões alimentares responsáveis.

Dessa maneira, você terá consciência sobre os alimentos e tudo aquilo que ingere. O que torna mais fácil você não comer qualquer coisa que só prejudique o seu corpo.

Dicas De Como Fazer A Reeducação Alimentar

Reeducação-AlimentarMas então, como fazer a reeducação alimentar? Primeiro, você deve ter certeza de que é isso que você quer.

Pois, é um processo que exige foco e uma certa força de vontade. Por isso, é importante compreender que é um novo estilo de vida, muito mais saudável do que o seu anterior.

Então, pode ser uma boa ideia começar consultando um nutricionista. Afinal, ele irá lhe mostrar quais são os bons alimentos, e irá lhe ensinar quais são aqueles que devem estar no seu dia a dia.

Mas, mesmo sem consultar um nutricionista, tem algumas coisas que você pode fazer que irá lhe ajudar.

1. Escolha os seus alimentos corretamente:

Como já foi dito anteriormente, você deve aprender sobre os alimentos, para saber o que você pode e deve comer todo dia.

Ainda, existem alguns que você pode comer de vez em quando, mas deve evitar que se torne uma rotina.

Mas, tem alguns alimentos que você pode comer todo dia, como:

  • Carnes magras;
  • Verduras
  • Legumes;
  • Aves;
  • Cogumelos;
  • E ovos.

O mais importante é evitar carboidrato e gordura ruim em excesso. Mas, não exclua totalmente esses nutrientes da sua dieta, pois são necessários também.

2. Beba bastante água para a reeducação alimentar:

Muitas vezes esquecemos de nos hidratar na correria do dia a dia, mas a água é essencial para a nossa saúde.

Ainda, se você está procurando emagrecer, é um hábito que pode ajudar. Pois, dá uma sensação maior de saciedade.

Portanto, recomenda-se que você beba uns 2 litros de água por dia. Mas, sabendo que pode ser complicado, beba o máximo que puder.

3. Tome o seu tempo para mastigar nas refeições:

Um hábito que quase ninguém repara mas pode ser muito prejudicial para o seu hábito alimentar é o de mastigar.

Pois, muitas pessoas mastigam muito rápido e isso pode ser prejudicial. Afinal, você acaba não triturando a comida como deveria.

Assim, o seu organismo tem mais trabalho para digeri-la. E isso pode prejudicar muito o seu processo de digestão.

4. Coma de 3 em 3 horas:

Muito se fala sobre o intervalo que devemos se alimentar. E o intervalo ideal é de 3 em 3 horas.

Pois, nesse caso, você tem tempo suficiente para querer comer novamente. Ainda, é o tempo certo para que você não precise comer muito nas refeições.

Assim, nunca estará com fome, e nunca estará muito cheio.

5. Passe a cozinhar mais para você com a reeducação alimentar:

Essa é uma dica extra, digamos assim. Pois, não faz parte da reeducação alimentar em si, mas pode ajudar muito o processo.

Primeiro, porque você aprende a lidar com a comida de uma maneira melhor, e aprende a ter uma noção melhor do que está comendo.

Ainda, você cria uma relação mais íntima com os alimentos, e os respeita como não fazia antes.

E segundo, porque assim você não fica refém das opções de comida na rua. Dessa maneira, você pode se alimentar bem em todas as refeições.

Conclusão

Reeducação-AlimentarEntão, agora você já tem todas as dicas sobre como fazer uma reeducação alimentar de sucesso.

Não esqueça que o ideal é procurar um nutricionista, para poder aprender melhor sobre os alimentos que você está ingerindo.

Mas, além disso, é importante tomar outras atitudes, como:

  • Beber muita água;
  • Fazer as refeições em um curto espaço de tempo;
  • Aprender a cozinhar;
  • Mastigar devagar;
  • E escolher melhor os seus alimentos.

Portanto, está esperando o que para colocar sua reeducação alimentar em prática? Se esse artigo lhe ajudou de alguma maneira, compartilhe com os seus amigos.